E a copa do mundo começou! Quando eu era criança a molecada queria ter apenas as chuteiras ou as camisas dos seus jogadores.

Mas já há alguns anos eles ditam tendência com os cabelos também (nem sempre bonitos) haha. Vamos saber mais sobre os cachos e crespos dos jogadores da Seleção Brasileira

Superestilosos, os jogadores da Seleção mostram que o assumir o black power, adotar cortes ousados e até fazer luzes nos cachos, chamam atenção em campo tanto quanto o talento para jogar bola!

Em todo mundial, sempre tem um corte de cabelo que chama atenção. Afinal, quem não se lembra do ‘Cascão’ do Ronaldo em 2002 ou do famoso moicano do Neymar em 2014?. Ronaldo Fenômeno foi um dos jogadores que no auge de sua carreira lançou a moda dos cabelos diferentões em campo, mais de uma vez inclusive, isso no brasil né pois Beckham (Inglaterra), Arturo Vidal (Chile), Taribo West (Nigéria).

Ainda não sei qual será o hit deste ano! Mas os cachos e crespos sempre chamam a atenção #amo

SELEÇÃO CACHEADA E CRESPA DO BRASIL 

O cachos e crespos dos jogadores da Seleção Brasileira

 

 

MARCELO: Crespo do tipo 4B, o cabelo do nosso lateral esquerdo é bem fino e delicado. Tende a ter mais frizz necessita de mais nutrição do que hidratação. Isso porque, devido à textura do crespo, a oleosidade tem muita dificuldade de percorrer livremente da raiz às pontas e, com isso, os fios podem ficar mais ressecados. A dica para quem tem o cabelo nesta textura é investir em umectações com óleos vegetais.

 

 

 

 

O cachos e crespos dos jogadores da Seleção Brasileira

 

 

FRED: O meio-campo tem um crespo tipo 4C, ao contrário do que se pensa os crespos são mais finos e, consequentemente, quebram com mais facilidade. Pelo menos uma vez na semana é indicado se fazer uma hidratação. Invista no uso de óleos não só para nutrição, mas também nas finalizações.

 

 

 

 

O cachos e crespos dos jogadores da Seleção Brasileira

 

 

WILLIAM: O atacante tem um black de responsa, um crespo tipo 4C, os cabelos muito finos, tendem a ter quebra constante, é importante manter o corte e investir na nutrição. Óleo de coco e produtos com a fruta na composição são super indicados! Para finalização o rake and shake é super indicado já que estimula a definição e também o volume. Ah e pente garfo sem moderação 🙂

 

 

 

 

O cachos e crespos dos jogadores da Seleção Brasileira

 

 

 

GABRIEL JESUS: o atacante, que tem cabelo crespo tipo 4C usa sempre cortes baixos, mas bem estilosos (lembrando alguns dos cortes dos anos 80). Normalmente ele usa um estilo de degradê/undercut com risco que deixa o visual bem destacado e descolado.

 

 

 

 

O cachos e crespos dos jogadores da Seleção Brasileira

 

 

NEYMAR: Sempre foi conhecido por sua ousadia dentro e fora de campo, principalmente quando o assunto é seu cabelo. O atacante da seleção muda mais de visual que mulher hahaha. Tem um cacho tipo 3C mas ele é uma metamorfose, e normalmente aparece com os cabelos alisados ou descoloridos. Para quem como ele gosta de experimentar químicas e colorações, é necessário investir na reconstrução.

Produtos com queratina, e óleos como abacate, manga, coco são indicados também.

 

 

 

Alguns posts que encontrei sobre cabelos X copa do mundo: Site Revista Exame, Folha, Revista Lance