Ana Paula Padrão lançou no comecinho do mês o Portal Tempo de Mulher. O objetivo é  trazer um banco de dados permanentemente alimentado por diversos instrumentos, com monitoramento de redes sociais, pesquisa online e pesquisas tradicionais.
Nos últimos anos, a renda feminina passou de R$ 412,4 bilhões para R$ 693,5 bilhões. Deste total, as consumidoras da classe C respondem por 47,1%.  Segundo a jornalista Ana Paula Padrão, uma das idealizadoras do projeto ,  “a mulher da nova classe média  precisa de informação, precisa de repertório, precisa preencher determinadas lacunas de educação para facilitar a vida dela. A gente quer dar informações sobre empreendedorismo, saúde, administração das finanças, educação de filhos, coisas que ela precisa no dia a dia para conseguir equilibrar melhor as tarefas”, conclui a apresentadora.
Eu estou gostando muito do conteúdo do portal #recomendo
Fonte – Portal Imprensa | Exame.com